Président

Brie


Queijo Brie Président

O Brie Président distingue-se pela sua suavidade e pela sua cremosidade, um queijo para toda a família.

Descobrir


Descrição

A origem das pastas moles com casca natural confunde-se com a do Brie, um presente real no sentido literal da palavra, visto que Carlos d'Orléans oferecia-o às damas da corte como uma gratificação!

O Brie de Meaux e o Brie de Melun são queijos de Denominação de Origem Controlada.

Características especiais

Brie de Meaux - Brie de Melun:
D.O.C. desde 1980.
Queijo de pasta mole com casca enriquecida.
Brie de Meaux: diâmetro de 27-28 cm, espessura 3,5 a 4 cm, casca natural coberta com uma fina penugem branca aveludada.
Brie de Melun: diâmetro de 36 a 37 cm, espessura de 3 a 3,5 cm, casca fina coberta com uma fina penugem branca aveludada, levemente manchada de vermelho.
Os Brie são tradicionalmente produzidos a partir de leite cru. Hoje são obtidos principalmente a partir de leite pasteurizado de vaca.
Produção: 105.000 toneladas, dos quais 8.300 toneladas de Brie de Meaux e 230 toneladas de Brie de Melun.

Gastronomia

É a base de receitas diferentes da região de Brie, incluindo o gratin Briard, um gratinado de batata preparado com Brie derretido, creme e leite. O Brie, especialmente fresco, tem sido muito utilizado na culinária e até na pastelaria.
Acredita-se que está também na origem da palavra "brioche".
Marie Leczinska aconselhou-o para produzir as suas famosas bouchée à la reine (vol-au-vent recheados com molejas e cogumelos).
Os vinhos frutados da Borgonha ou os Bordeaux, como o Saint-Émilion, tornam sublime a degustação de um Brie.

Produção

O Brie de Meaux e Brie de Melun diferem nos métodos de fermentação utilizados: para o Brie de Meaux, a coalhada é realizada em 30 minutos graças ao uso de coalho; para o Brie de Melun, o leite é coalhado por meio de fermentação láctica, operação que demora cerca de 18 horas.
Para o Brie de Meaux, a coalhada é colocada nos moldes com a ajuda de uma colher de Brie.
Para o Brie de Melun a coalhada é colocada nos moldes com a ajuda de uma colher de pau.
Após a formação e o dessoramento, ambos são salgados e curados, por um período de 4 a 6 semanas. Durante o processo de cura são regularmente virados.
Nenhuma outra região para além de Brie era mais adequada para valorizar seus queijos entre a população parisiense, e os reis da França.
Situada entre Paris e Reims, Brie beneficiou do longo período em que as duas cidades compartilharam o poder. Quando o destino da Europa, depois das duras campanhas napoleónicas, foi selado no Congresso de Viena, em 1814, Metternich organizou uma degustação que consagrou o Brie "príncipe queijo (ou conforme o caso rei) dos queijos e primeiro da sobremesa".
Durante o século XIX tornou-se um queijo muito popular: em 1886 no mercado coberto em Paris a quantidade de Brie vendida era duas vezes superior à do Camembert.

Área geográfica

A área de produção do Brie de Meaux abrange toda a região de Senna e Marne, alguns municípios de Aube, de Loiret, de Meuse, de Yonne, de Marne e de Alta Marne.
A região do Brie de Melun é mais limitada, pois abrange só o departamento de Senna e Marne e parte de Aube e de Yonne.
O Brie pasteurizado é produzido principalmente no leste da França, na Normandia e na região de Loire.