Président

Reblochon DOP


Descrição

O Reblochon de Savoie é o resultado do engenho dos agricultores de Savoie ... e da maturação.
Nasceu no vale de Thônes nas pastagens das montanhas dos Alpes calcários do maciço de Aravis, onde os agricultores pastavam as suas vacas e pagavam aos proprietários de acordo com a quantidade de leite produzida... Daí o seu interesse em não declarar tudo! Assim nasceu o Reblochon de re-blache (ou segunda ordenha)...

Características especiais

D.O.C. desde 1958.
Queijo de leite cru e gordo, com pasta levemente prensada não cozida.
45% mínimo de gordura.
Grande Reblochon: cilindro plano de 13 cm de diâmetro e 3,5 cm de espessura.
Peso entre 450 g mínimo e 550 g máximo.
Petit Reblochon: 9 cm de diâmetro e 3 cm de espessura, pesando entre 240 g e 280 g.
A casca é de cor açafrão amarelo, ligeiramente alaranjada, coberta com uma fina «mousse» branca.
Produção 1997: 16.900 t.

Gastronomia

Os vinhos brancos, frescos e frutados como os de Sabóia (Crépy, Abymes, Roussette) realçam perfeitamente o sabor delicado do Reblochon.
Se o Reblochon combina o seu sabor doce e perfumado com tartes ou outros produtos recheados, a verdadeira delícia de Sabóia é a tartiflette, feita com batata, bacon, cebolas e naturalmente o Reblochon.
Particularmente saboroso na época de pastagem das vacas no verão e no outono. Combina bem com vinhos brancos de Sabóia (Crépy, Abymes).

Produção

Depois da ordenha, o leite é aquecido, e de seguida, é adicionado coalho e a coalhada é suavemente cortada em pequenos grãos que serão divididos pelos moldes.
A seguir lava-se com uma solução de anato e é virado regularmente. Depois de 2-3 semanas numa cave fresca, pode ser apreciado sem moderação!
Um peso colocado por algumas horas sobre o queijo permite completar o escoamento e prensar a massa levemente.
Depois de uma passagem em salmoura (água saturada com sal), o Reblochon permanece por 4-5 dias num secador.
Foi no vale de Thônes que nasceu no século XIII o Reblochon. Cada produtor devia ao dono dos pastos onde pastava os seus rebanhos, um salário proporcional à quantidade de leite produzido. Assim no dia em que estes mediam a produção, o produtor realizava uma ordenha incompleta. E assim que o proprietário saía, terminava a ordenha das vacas.
O leite da segunda ordenha, muito gordo, era utilizado imediatamente para produzir o Reblochon. Na década dos anos 20 do século passado, o mercado de Grand-Bornand era particularmente ativo, mas sua originalidade estava no que acontecia durante a noite, quando homens e montanha e negociantes se encontravam semanalmente a partir de meia-noite e meia.

Área geográfica

O seu território inclui os maciços verdes de Aravis, a região Rochois e o vale de Abondance, na Sabóia e Alta-Sabóia.
A dureza do clima impôs raças de vacas resistentes: vacas Lucherine, de Montbéliard e Abondance.
Enriquecida por uma grande variedade de flora alpina, o seu leite bem cremoso dá ao Reblochon um sabor aveludado e frutado.